Equilíbrio também para seu pet

Imagine chegar em casa, depois de um dia cansativo e estressante, e ser recebido com todo o amor do mundo? É o que acontece quando você tem um bichinho de estimação.

Dos mais tradicionais como cães e gatos, aos mais exóticos como aves e mini-porcos, eles trazem alegria para o lar e ajudam no seu equilíbrio diário. Para retribuir este carinho que eles sentem por nós não basta apenas brincar, levar para passear e dar ração.

Há outros cuidados que você deve tomar:

1) Caminhar no sol pode ser excelente para você pegar um bronzeado, mas para seus pets pode ser um sacrifício. Bichinhos com pelagem escura sofrem mais com o calor. Sem falar nas queimaduras que eles podem sofrer nas patas ao andar em pisos muito quentes. Para eles, vale a nossa regra de banho de sol: passeios na rua só antes das 9h e após 16h.

cão no sol

Fonte

2) Para o seu bichinho não sofrer tanto com o calor, existem produtos que amenizam as altas temperaturas, como tapetes especiais com gel, que refrescam sem precisar de água, eletricidade ou outro recurso. A parte boa é que, se seu pet for um destruidor de carpetes, o produto químico não oferece risco para eles.

3) Nenhum animal de estimação gosta de ficar sozinho por muito tempo, ainda mais quando é filhote. Para amenizar a solidão, deixe uma roupa velha sua enrolada na cama do seu pet – ele irá sentir o seu cheiro e ficará mais calmo. Deixe por perto também um rádio ligado – ao ouvir a voz de alguém, ele achará que tem alguém por perto.

MATERIA24.09

Fonte

4) Se você se preocupa com as taxas de sódio da sua alimentação e da água que bebe, por que não se preocuparia com o sódio na ração dos seus pets? Olhe bem os índices das embalagens e escolha o melhor produto para a saúde do seu bichinho.

5) Tem gente que fica com pena de castrar seu animal de estimação. Na verdade, este é um ato de amor. Com a castração, a expectativa de vida deles aumenta e ainda previne doenças como câncer de útero.

6) Para manter o equilíbrio da alimentação do seu pet, você pode investir em frutas e legumes. No entanto, atenção: o melhor é consultar um veterinário antes para saber como complementar a dieta do seu bichinho. Gatos, por exemplo, dispensam frutas e verduras da sua dieta, sendo essencialmente carnívoros. Cães estão proibidos de comer frutas cítricas como laranja e limão.

pet-frutas

Fonte

7) Depois do passeio, você pode achar que é uma boa ideia refrescar o seu melhor amigo com um banho gelado. Na verdade, fazendo isso você pode provocar um choque térmico no bichinho. Quando voltar para casa, o melhor a fazer é deixar o seu pet descansando na sombra ou em frente ao ventilador por um bom tempo antes de levá-lo para um banho, de preferência com água em temperatura ambiente.

8) Levar a sacolinha para recolher o cocô do seu bichinho na rua já é mais do que sabido, não é mesmo? Então por que não aproveitar e levar um pouco de água para ele se refrescar no caminho? Existem potes próprios para isso, que não vão ocupar muito espaço e ainda vão deixar o seu animalzinho feliz!

9) Gatos são animais higiênicos e que não possuem o hábito de tomar água com frequência. O mais indicado para eles é manter o pote de água sempre limpo e com água fresca. Vale também investir em bebedouros automáticos para manter a água corrente.

073608830ec6b71f4b61958fc494bbfd

Fonte

10) Como ainda estamos em época de aproveitar o verão, a mudança de temperatura pode deixar o seu bichinho estressado. Não é difícil ver a quantidade de cães e gatos que se perdem dos donos no litoral. Por isso é importante, independente do comportamento do seu pet, manter uma coleira de identificação com o nome dele e os seus dados de contato.

Não há comentários

Comments Closed