Réveillon: como evitar a ressaca do dia seguinte

SONY DSC

Na noite de Réveillon, todo mundo espera entrar em 2015 com o pé direito. Se pretende fazer uma comemoração regada a espumante ou cerveja, é bem possível que você acorde mesmo se sentindo “diferente” – no caso, por causa da famosa ressaca.

Seu principal sintoma é a desidratação. Isso porque o álcool inibe a secreção da vasopressina (também conhecido como “hormônio antidiurético”), fazendo com que os rins retenham menos água e liberem mais – por isso as idas frequentes ao banheiro durante aquele happy hour com os amigos!

O resultado disso é, em algumas horas, uma sede anormal. Mas você pode satisfazer seu organismo antes de soar o alarme: beba água durante o consumo de álcool.

É simples: a cada dose de espumante, uma de água (pode até ser com gás, pra manter o visual “efervescente” da sua taça). Isso também vale para cerveja, caipirinha, vodca etc.  

 

29 - blog - Sam Howzit

A água ajuda a diluir o álcool na corrente sanguínea, prejudicando menos o seu fígado e reduzindo a desidratação chata no dia seguinte – que sempre vem acompanhada de náuseas, fraqueza e dor de cabeça.

Outra dica é garantir uma alimentação leve na ceia, para proteger o estômago. Vegetais, alimentos integrais e carnes brancas são as melhores opções!

Que tal entrar em 2015 se sentindo 100%?

Guarde um lugar especial na sua geladeira para algumas garrafas de Água da Pedra! ;)

Fonte

Não há comentários

Comments Closed